Saiba tudo acerca da melhor ração para o seu cão

Tem coisa mais encantadora que um filhote de cão? Eles são uma gracinha nesta época, estou certo? Para crescer saudável temos que cuidar da sua alimentação, dando ração de filhotes própria para os critérios do bicho de estimação. Contudo, quando parar de dar para ele esse tipo de ração? É o que iremos ver logo abaixo.

Os cachorros precisam de uma alimentação de excelente qualidade para um desenvolvimento saudável. Tendo conhecimento disso, as indústrias pets do Brasil produziram inúmeros tipos de ração, conforme, é claro, com a necessidade de cada animal.

É extremamente comum observarmos na rotina clínica médica-veterinária, donos perguntarem sobre que ração obter para seus cachorros, mas também, em que idade trocar a ração de filhotes para as de cachorro adulto.

Esta insegurança é bem pertinente, já que o espécime, ao se desenvolver e deixar sua etapa de filhote, começa a mostrar outras necessidades nutritivas, sendo necessária nessa situação, a utilização da ração própria para cachorros adultos.

É permitido alimentar o cachorro adulto com ração de filhotes?

cachorro-comendo, É imprescindível enfatizar que jamais se deve oferecer ração de cães adultos para filhotinho e também o contrário. Um desequilíbrio nutricional é capaz de promover sérios problemas de saúde para seu cachorro.

No caso do filhote, sua ração é rica em calorias e substâncias nutritivas, então, permanecer oferecendo esse tipo de comida para um cão já maduro tem chance de ocasionar obesidade e doenças ortopédicas.

Quanto à idade ideal para fazer a mudança, existem muitas informações conflituosas que por seu turno transtornam os donos de cães. Muitos defendem que a mudança deve ser realizada quando o cão atinge 1 ano de vida.

No entanto, o problema de estabelecer uma idade somente é que os cães diferem muito entre si, e as particularidades das raças e tamanhos fazem com que elas tenham velocidades distintas de amadurecimento.

Com que idade um cão é visto como adulto?

  • Porte Pequeno :

    Essa classe de cães é a preferida para convivência. Em geral, eles são crescidos dentro da habitação, sendo na maioria das vezes criados em apartamentos, pois seu tamanho não necessita de muito espaço como cachorros maiores.
    Eles chegam a pesar no máximo em torno de 10 quilos. Sua vida adulta dá-se início entre 10 a 12 meses de idade.
    Exemplos: Yorkshire Terrier, Shih-Tzu, Pinscher, Chihuahua, Lhasa Apso, Pug, Poodle, Bichon Frise.

  • Porte Médio :
    Em geral são cães ótimos para quem tem casa, visto que carecem de um tanto mais de espaço uma vez comparado com os de raça pequena.
    Chegam a pesar entre 11 a 25 kg e sua maturação acontece aos 12 meses de idade.
    Exemplos: Beagle, Basset Hound, Buldogue Francês, Cocker Spaniel Inglês, Bulldog Inglês, Labrador Retriever, Boxer.
  • Porte Grande :
    São cachorros que precisam de muito espaço para ter um estilo de vida saudável.
    O seu peso difere de 25 a 40 quilos. É tido como adulto aos 18 meses de idade.
    Exemplos: Dogue Alemão, Mastife, Boiadeiro Bernês, São Bernardo, Rottweiler.
  • Porte Gigante : Estes bichos precisam ser crescidos em residências que possuem um espaço grande ou em chácara.
    Chegando a pesar na sua fase adulta mais de quarenta quilos, somente é considerado um cão adulto aos dois anos de vida.

De modo geral, a mudança deve ocorrer na ocasião em que o filhote está alcançando sua estatura de adulto. Preste atenção no seu cachorro, dado que muitos começam a repulsar a ração de filhotes , por ser tão rica e consistente.

Conduza-o ao veterinário para perceber se a hora chegou.

Cachorro idoso

cao-idoso, Se você tem um cãozinho de pequeno porte compreenda que quando ele chega aos 10 anos, ele é um idoso. Para os bichos de grande estrutura física, aos sete, já são tidos como anciãos.

Esta etapa da vida animal demanda mais cuidados com a alimentação, já que eles estão mais propensos a adquirirem inflamações e enfermidades.

Um problema específico dessa fase, é a perda de apetite. Por causa disso, você deve oferecer para ele pequenas refeições ao longo de todo o dia. Veja com o veterinário se ele não está com problemas de saúde, visto que já existem rações tipo light, com pouca quantidade de sal e gordura.

De que maneira se comportar na mudança

No momento que for verdadeiramente mudar de ração de filhotes para a de adultos, faça de forma gradual ao ir mesclando os dois tipos.

Uma semana é tempo suficiente a fim de que o seu animal não sinta demais a troca, o que em certos contextos tem grande chance de causar diarreia e irritação no estômago.

Ao entrar na ração de adulto, a quantia de ração irá ser baseada no valor calórico que o seu cão irá poder comer ao dia. É sempre importante o proprietário falar com o veterinário de sua confiabilidade a fim de selecionar a melhor ração para seu cão.

Se você for modificar a marca/tipo a ração do seu cachorro, faça isso da forma certa!

News Reporter