Pets e Cia

Cachorros que ladrem intensamente – o que deve ser feito?

Ninguém deve aguardar que um cão não lata nunca. Isso é tão surreal quanto aguardar que uma criança nunca fale. Mas alguns cães latem exageradamente. Se este é um problema comum em sua casa, o primeiro passo é compreender o que acontece para que seu cão lata demais. Visto que você sabe por qual razão ele está latindo, já é capaz de começar a tratar o problema em sua gênese.

Latir é uma maneira de comunicação vocal que os cães usam e isso é capaz de significar muitas coisas, tudo vai depender da circunstância. Aqui estão algumas razões pelas quais os cães ladram:

Territorialismo / Proteção: No momento em que uma pessoa ou espécime entra em um espaço que o cachorro considera patrimônio dele, é o bastante para que comece a latir de forma excessiva. Ao passo que aquilo que ele vê como um risco se aproxima, o latido vai ficando mais elevado. O cão irá ficar vigilante e até ofensivo enquanto ladra.

Alarme / Temor: certos cachorros começam a latir em função de qualquer barulho ou coisa que atraia sua atenção ou os assuste. Isso pode vir a acontecer em qualquer lugar, não apenas no seu patrimônio.

Tédio / Solidão: os cachorros são espécimes de grupo. No momento em que deixados sozinhos durante longos ciclos, seja em sua residência ou no quintal, podem ficar aborrecidos ou tristes e, certas vezes, irão latir.

Cumprimentos / Brincadeira: os cachorros têm o hábito de latir para cumprimentar indivíduos ou outros espécimes. Geralmente é um latido alegre, acompanhado da cauda sacolejando e, algumas vezes, saltando.

Atenção à procura: os cachorros muitas vezes ladram quando ambicionam alguma coisa, como ir passear, brincar ou ganhar uma gratificação.

Nervosismo de Separação / Latido Compulsivo: Cachorros com impaciência de separação em certas ocasiões latem exageradamente no momento em que são deixados solitários. Eles, de modo geral, ainda mostram outros sintomas como estimulação, destruição, ficarem deprimidos e eliminação inadequada. Cachorros latidores compulsivos parecem latir somente com o intuito de ouvir o som de suas vozes. Eles ainda fazem movimentos repetitivos, como correr em círculos ou ao longo de uma cerca.

Como curar o latido exagerado

A gritaria estimula o seu cão a latir mais, porque ele acha que está em aflição. Logo, a primeira regra é falar paulatinamente e com firmeza, entretanto não grite. A grande parte dos cães não entende o que você quer no momento em que está gritando para ele “parar de latir”. Portanto, instrua seu cachorro para compreender a expressão “Quieto!”

Procedimentos a fim de fazer o cachorro parar de latir

No momento em que seu cão está latindo, fale “quieto” em uma voz branda e firme. Espere até que ele pare de latir, ainda que seja apenas para respirar, então faça elogios ao cachorro e ofereça um brinde a ele. Apenas tenha cuidado para jamais recompensar o cão no mesmo momento em que ele está latindo. Eventualmente, ele vai descobrir que se ele parar de latir com a palavra “silêncio”, ele adquire um brinde e fica condicionado.

Alternativamente, você pode educar seu cachorro a “falar”. Visto que ele está fazendo isso de forma bastante confiável, sinalize a fim de que pare de ladrar com uma ordem diferente enquanto segura o dedo em suas bocas (os cães muitas vezes pegam os sinais do corpo de uma forma mais rápida do que os comandos de voz). Pratique esses comandos sempre que encontrar-se tranquilo e, com o passar do tempo, ele deve aprender a parar de latir a sua ordem.

Conseguir que seu cão lata menos vai levar tempo, demandará trabalho, prática e tolerância. Isto não acontecerá rapidamente, contudo com técnicas e no tempo adequado, você será capaz de observar o progresso.

Cachorros que ladrem intensamente – o que deve ser feito?
Avalie esta postagem